A LONGANIMIDADE DE DEUS

Publicado 18-07-2021

“E humilhando-se ele, a ira do Senhor se desviou dele, para que o não destruísse de todo; porque ainda em Judá havia boas coisas” 2 Crônicas 12:12. 

Entre todos os atributos de Deus, a longanimidade é um dos que me chamam mais atenção. A capacidade natural do Pai em suportar as rebeliões humanas sempre frisando o benefício dos homens, as inúmeras chances e oportunidades que Ele tão amorosamente nos dá de nos arrependermos de nossos maus caminhos, reconhecermos as nossas culpas e nos humilharmos diante da sua presença e sermos acolhidos nela, quando não merecíamos tamanha consideração, demonstra um amor que realmente nos constrange (2 Coríntios 5:14)

Roboão, rei de Judá, de quem o texto em destaque faz referência, infelizmente não teve para com Deus um coração tão voluntário como seu avô Davi (1 Crônicas 29:14 -16), nem buscou a sabedoria do Senhor como fez o seu pai Salomão (2 Crônicas 1:8 -9; antes ignorou o conselho dos anciãos de Israel preferindo dar ouvidos aos “amigos” (2 Crônicas 10), dividindo assim um reino já solidificado e próspero, tornando-o relapso para com as leis divinas e vulnerável às ações dos povos inimigos (2 Crônicas 12:1 a 4).Contudo, um fato não passa despercebido, o nosso Deus longânimo não abandona o seu povo, como fatalmente eles mereciam, e por intermédio da sua repreensão (V5) concede uma nova chance à nação e ao seu rei de se arrependerem e evitarem uma destruição total (V6) em nome das “boas coisas” (v7-12) que havia lá: reconhecimento do erro, humilhação e arrependimento, oportunidades dadas por Ele, em sua infinita misericórdia, para um recomeço quando o que eles deveriam receber era o extermínio.

Assim acontece conosco, em muitos momentos abandonamos a Deus, principalmente quanto tudo parece ir bem, nos tornamos rebeldes às suas leis, submissos à aprovação do mundo e obstinados pelos nossos próprios caminhos e mesmo assim, o Pai não deixa de nos dar oportunidades pois, a sua longanimidade a presenta um perdão completo, rico em graça e misericórdia para com todos que o procuram (Salmo 86:5). Aproveite esse tempo aceitável, evite o que é mau e prepare o seu coração para buscar ao Senhor.

Glenda Cavalcante

Voltar para as Postagens

Acompanhe nossas redes sociais